PÁSCOA. FAZ SENTIDO COMEMORAR ESSA DATA NA MINHA EMPRESA?

Vamos ajudá-lo a responder essa pergunta levando em consideração 3 fatores que ao nosso ver precisam ser analisados. Mas antes, que tal conhecer o significado da Páscoa além da tradição cristã? Ele por si só trará novos insights sobre a data.

A páscoa em si surgiu antes do Cristianismo. A Páscoa cristã é inspirada na tradição judaica e o termo “páscoa” deriva de “pessach”, que em hebraico significa passagem.

Originalmente, os judeus celebram a Páscoa no início da Primavera (no Hemisfério Norte, a partir de 20 de março) e relembram a libertação do povo Hebreu da escravidão no Egito. Libertos, os hebreus iniciaram “O Êxodo” para Canaã. Por isso a Páscoa judaica também é celebrada como “Festa da Libertação”.

Os hebreus talvez tenham sido os primeiros refugiados e o êxodo talvez a primeira grande migração de que se tem notícias. É uma história cheia de mitos e contradições, mas que deu origem ao Estado de Israel e, posteriormente, aos intermináveis conflitos bélicos que há décadas devastam a região. A área de Canaã, hoje, corresponde ao Estado de Israel, Faixa de Gaza, Cisjordânia, parte da Jordânia, do Líbano e da Síria (junto ao Mar Mediterrâneo).

Já o Cristianismo tem na Páscoa um dos principais pilares da fé cristã, uma vez que são lembradas a crucificação, morte e ressurreição de Cristo. Na tradição, Cristo sacrifica-se para libertar a humanidade dos pecados, ressuscitando três dias depois de crucificado e morto, fato que teria acontecido no mesmo período em que os judeus comemoram sua pessach.

Em 2021, a Páscoa cristã será celebrada no domingo, 4 de abril. A data móvel foi instituída em 325 d.C., durante o Concílio de Niceia, quando a Igreja Católica determinou que as comemorações da Páscoa iniciariam na primeira lua cheia após o equinócio de primavera, que marca o início da estação no Hemisfério Norte. As celebrações começam no Domingo de Ramos, passam pela Sexta-feira da Paixão e encerram com o Domingo de Páscoa.

Ambas as histórias mostram que a Páscoa é uma data com inúmeras oportunidades para o clima organizacional das empresas. Por isso, sim, faz cada vez mais sentido celebrá-la, desde que se tenha atenção para os 3 itens abaixo.

CULTURA DA ORGANIZAÇÃO
Verifique se a Páscoa é realmente uma data significativa para a sua empresa. Se o significado que ela carrega, de reflexão, renovação e novas oportunidades, tem coerência com os pilares que fazem parte da sua cultura organizacional. Lembre-se que as datas não são apenas comemorativas, mas oportunidades únicas de promover o engajamento dos colaboradores com a cultura e o propósito da empresa. Por isso, elas precisam fazer sentido.

RESPEITO À DIVERSIDADE
Trazer as diferenças entre a Páscoa judaica e a cristã foi proposital para falarmos sobre diversidade religiosa. Tenha certeza que ela está presente na sua empresa. Ao celebrar datas do calendário religioso, saiba que nem todos os colaboradores da sua equipe têm a mesma fé. Alguns creem, outros têm religiões diversas e alguns não têm religião nenhuma. E está tudo bem ser assim. Por isso, o importante é celebrar com atenção à diversidade para não deixar ninguém desconfortável, afinal o objetivo é justamente o oposto, certo?

Um bom exemplo é optar por reforçar com os colaboradores a proposta de reflexão e renovação que a data traz. Outro são as campanhas “Compartilhar o que importa é tudo de bom” e “Páscoa – Um Momento de Renovação e União” do endomarketing.online, uma proposta lúdica que vai proporcionar experiências incríveis aos colaboradores e reforçar sentimentos como da gratidão, do reconhecimento e da valorização entre as pessoas.

DISTANCIAMENTO SOCIAL
Por fim e não menos importante temos uma nova realidade, com as necessárias medidas de distanciamento social, trabalho remoto e o uso de máscaras. Além de celebrar a Páscoa levando em consideração esses três fatores, reforce com sua equipe que novamente, nesta data, todos devem permanecer em casa, que os almoços em família devem ser realizados apenas entre os que moram na mesma casa, e que manter distância, sobretudo dos mais velhos, é sim um ato de amor. Aqui você encontra algumas opções para comunicar sobre a prevenção ao novo coronavírus de forma leve e eficaz.

O distanciamento social pode dificultar a celebração da data na sua empresa, mas sempre há uma solução criativa e, com certeza, engajadora. Uma opção é realizar uma caça aos ovos. Com certeza, você vai proporcionar experiências únicas para a sua equipe. Confira aqui.

Esperamos que esse breve texto tenha trazido insights e inspirações para você celebrar essa data tão importante e cheia de oportunidades com a sua equipe.

Se a sua empresa acredita que ambientes de trabalho leves são mais propícios ao trabalho em equipe, à inovação e à melhoria contínua, com certeza essa data é para você, e não deve passar em branco.

Aproveite a oportunidade para engajar e fazer acontecer!

Depois, conte pra gente o resultado.